Siga-nos

VEJA NOSSO

CONTEÚDO

O papel das tecnologias para tornar um packing moderno e eficiente

quinta-feira, 15 julho 2021

Ferramentas que elevam a produtividade, reduzem custos e otimizam o tempo

A otimização de processos no packing objetivam ganhar agilidade e eficácia nos processos da expedição. Mas afinal, o que é o packing? É o processo de embalagem de um produto antes de ser expedido ao cliente final. É uma etapa bastante comum no envio fracionado de mercadorias, já que esses pequenos itens exigem uma acomodação eficiente para serem transportados em segurança.

Pois bem, o packing acontece logo após o picking, quando os produtos são separados e os pedidos revisados. É no packing que esses pedidos são embalados para o envio, e essa é uma etapa que requer muita atenção, cuidado e organização.

Para trazer maior agilidade e qualidade à operação, e tornar as etapas de picking e packing mais ágeis e modernas, as empresas têm apostado em implementar tecnologias ao processo, como soluções e máquinas automatizadas.

Além de qualificados sistemas de ERP (Enterprise Resource Planning), as empresas contam com uma série de inovações, como algumas que listamos:

Sistema WMS – módulo com coletores da dados

Atualmente, a implementação modular de um sistema WMS possibilita solucionar e otimizar todas as etapas do supply chain de forma separada, o que inclui, evidentemente, o processo de conferência e packing. Graças o uso de coletores de dados, os produtos são conferidos e podem ser empacotados para seguirem viagem.

Nesse processo, as embalagens também são etiquetadas com todos os dados necessários para a identificação de seus conteúdos, destinos e clientes. 

Entre as principais funcionalidades do módulo packing de um sistema WMS, vale destacar o checkout desktop, o checkout coletor, a geração de etiquetas de volume e geração de packing list.

O sistema WMS é a solução mais avançada para a gestão de estoque, sendo possível a sua implementação modular para empresas que buscam melhorar essa etapa em particular.

RFID – localização de mercadorias por radiofrequência para controle de estoque e inventário

A identificação por radiofrequência ou RFID é um método de identificação automática por meio de sinais de rádio, recuperando e armazenando dados remotamente através de etiquetas RFID, que traz maior agilidade aos fluxos de entrada das mercadorias, separação, conferência, faturamento, embalagem, despacho das mercadorias e inventários, garantindo também muita precisão dessas operações de estoques. A ferramenta, dentre outras vantagens, traz maior precisão nas informações de armazenamento e velocidade na expedição – tanto a armazenagem como os processos de picking e packing são agilizados.

Leitor de código de barras – economiza tempo e evita falhas

O leitor de código de barras economiza tempo de operação e ajuda a evitar erros no estoque e na separação de pedidos. É uma estratégia quase obrigatória em diferentes empresas, de pequeno a grande porte, de um a milhares de funcionários na expedição.

Automação – melhora o processo de packing

Para o packing dar certo, todos os processos logísticos devem estar em conexão, alinhados. No entanto, a automação logística possibilita que sistemas de gestão e outras ferramentas façam com que os processos sejam executados de maneira automática. E assim, diminui-se de forma considerável a necessidade de retrabalhos e controles manuais.

Impressão em ZPL – imprima etiquetas em grande escala

A impressão em ZPL é uma tecnologia que permite imprimir notas fiscais e etiquetas em grande escala e em sequência, intercaladas ou com algumas outras maneiras de organização, o que agiliza muito o processo de preparação para separar os pedidos.

Vale lembrar que toda e qualquer inovação não dispensa e necessidade de profissionais capacitados para realizar a gestão dos equipamentos e assegurar a qualidade do serviço.

Além disso, é importante investir no desenvolvimento profissional, em treinamentos para a equipe de logística e, claro, monitorar a produtividade e a qualidade de cada etapa do processo.

Neste contexto, escolher um parceiro de logística terceirizado – como a TCE Logística Urgente -, pode ser de grande valia, já que conta com profissionais qualificados e sistemas inteligentes que integram as ações e garantem a gestão interna e eficiência da operação como um todo.

Dicas para manter um packing eficiente

Ressaltamos que uma boa performance nos processos de picking e packing é imperativo para garantir a agilidade e a assertividade na entrega de um pedido, o que reflete diretamente na satisfação do cliente.

É por isso que os gestores de logística preocupam-se tanto com essas duas etapas, buscando não apenas alcançar uma elevada produtividade, como também fazer um uso inteligente dos recursos (pessoas, equipamentos e área), visto que o picking e packing são processos que consomem boa parte dos custos da operação.

Por esse motivo listamos algumas estratégias para otimizar o processo de packing, buscando reduzir custos e garantir um alto padrão de atendimento ao seu cliente. Confira:

Organize a divisão dos pedidos

Fazer um packing de qualidade e com eficiência requer uma organização específica, com os produtos bem separados para não haver nenhuma troca de produtos. Recomenda-se a utilização de divisórias entre a

a separação dos pedidos, cestinhas ou as próprias caixas para separar um pedido do outro.

Colete os dados mais relevantes

Os dados mais relevantes de cada item devem ser coletados, pois essas informações ajudam no uso da embalagem apropriada e no treinamento dos funcionários da área de packing. Assim, informações como lote, data de validade, IMEI, quantidade por caixa etc., e outras sobre as especificidades do produto – tamanho e peso, normas de armazenamento, modo de envio e requisitos de segurança, são importantes para um packing eficiente e sem erros. 

Conheça cada etapa do packing

É fundamental que cada etapa seja bem conhecida para que o packing seja ágil e eficiente. Assim, ter conhecimento dos processos de embalagem, dos materiais utilizados (formas e tamanhos de caixas, plástico bolha etc.) facilitará a escolha do que usar para embalar cada tipo de mercadoria.

Conhecer os requisitos de embalagem e rotulagem de cada item é fundamental para o sucesso da operação. Esses materiais devem estar sempre disponíveis e de fácil acesso pelos funcionários responsáveis pela área de packing.

Evite o desperdício

Para que desperdícios sejam evitados, recomenda-se, mais uma vez, o conhecimento dosrequisitos específicos de embalagem e rotulagem para os itens enviados. A redução de etapas desnecessárias, assim como do excesso de embalagem, ajuda a agilizar as operações e, ao mesmo tempo, a reduzir os custos.

Isso posto, implementando tecnologias, treinando a equipe e seguindo as dicas propostas, as operações de packing podem alcançar outro nível, com melhoria na eficiência, redução de custos e alta precisão. Com isso, as entregas passam a ser mais rápidas e assertivas, fatores fundamentais para conquistar a confiança dos seus clientes!

Voltar

Fale agora

Cotação

Serviços

Logística Urgente

Transporte Rodoviário

Transporte Aéreo

Atendimento

(11) 2309-0012

comercial@tcetransportes.com.br

Localização

R. da Gávea, 1020
Vila Maria, São Paulo
SP, 02121-020

Serviços

Logística Urgente

Transporte Rodoviário

Transporte Aéreo

Atendimento

(11) 2309-0012

comercial@tcetransportes.com.br

Localização

R. da Gávea, 1020
Vila Maria, São Paulo
SP, 02121-020

© tcetransportes 2021 - Todos os direitos de cópia reservados